Categoria: Entretenimento

TV Show: Demolidor

20 nov



demolidor

Olá galera! Vamos falar um pouquinho sobre a série Demolidor? Afinal, faz tempo que eu não recomendo um tv show, e o feriadão está aí para aproveitarmos (seja no sofá ou badalando por aí). Estou um pouquinho atrasada, já que a série foi ao ar em Abril deste ano no Netflix, porém acho que dicas boas como esta nunca ficam ultrapassadas.

Demolidor é fruto do acordo entre a Marvel e o Netflix, o qual já tem outras quatro produções encomendadas (Jessica Jones, Punho de ferro, Luke Cage e para fechar, Defensores). Todas as histórias contadas foram inspiradas nas HQs dos personagens principais, mas você não precisa ter lido as histórias em quadrinhos para ver e entender a série. Já é um ponto positivo, certo?

Muito bem. Matt Murdock é o nome do cara. O Demolidor. Ele perdeu a visão em um acidente aos nove anos de idade, no entanto todos os seus outros sentidos são super desenvolvidos. Seu pai morreu quando ele era jovem e Matt acabou aprendendo a lutar com um mestre ninja, desenvolvendo assim o desejo de combater o mal. O protagonista é formado em Direito e a série começa relatando seus primeiros passos como advogado, e também como vigilante, batendo e apanhando por aí.

Toda a trama se passa na cidade de Hell’s Kitchen (ou Cozinha do Inferno), que foi destruída na Batalha de NY, de Os Vingadores. Enquanto o Demolidor tenta protegê-la (a cidade) dos caras maus, o seu antagonista, Wilson Fisk, tenta controlá-la, dominando a mafia chinesa, russa e todos os poderosos do crime. Observando o passado de ambos os personagens nós podemos ver semelhanças no desejo de tornar a Cozinha do Inferno um lugar mais pacífico. A diferença é que Wilson Fisk tem estratégias nada louváveis para isso.

Outros personagens que também se destacam e fecham o núcleo da série são o amigo de faculdade de Matt, com quem ele abre um escritório de advocacia logo no início do seriado; Karen Page, a primeira cliente de Matt e Foggy e que acaba se tornando secretária do escritório deles e desenvolve uma trama particular juntamente com Ben Urich, jornalista que investiga os criminosos de Nova Yorque.

Sendo sincera, eu só topei ver esta série após muito alarde. Não sou fã de pancadaria, sabe? Além disso, nunca li as histórias em quadrinhos do Demolidor. Era quase certo que eu não iria gostar. Mas algo bizarro aconteceu e eu acabei adorando. As cenas de ação são bem feitas e bem realistas, com sangue, todo mundo apanhando, batendo e saindo ferido, independente de ser heroi ou vilão. Os personagens são muito bem construídos e interpretados. O ator Charlie Cox principalmente ficou incrível no papel do protagonista. Às vezes você acredita que ele é cego de verdade. E quando ele se veste como Demolidor, todo de preto e com aquela faixa nos olhos, você até torce para a luta ser das boas.

Abordando temas sobre justiça, religião e moralidade, a questão que fica é… quando você tenta combater o seu inimigo, qual o risco de você se tornar igual a ele?

OBS: Bora aproveitar que hoje é o lançamento da segunda série Marvel-Netflix, Jessica Jones! Dá uma boa maratona de feriado. 😀

  • Categorias: Entretenimento | Tags: , , ,
  • TV Show: Faking It!

    6 jun



    faking it1Imagem: Fonte

    As séries da MTV americana são excelentes. Eu nunca tinha visto nada exibido pela emissora até começar a acompanhar Awkward. Em seguida, após ouvir muitos elogios, peguei Faking It!. Confesso que não criei muitas expectativas com relação ao seriado, porém já estava vidrada logo nos primeiros episódios.

    E antes que vocês perguntem ou pensem: Sim, já assisti séries das quais não gostei e que abandonei. Mas não adianta falar delas aqui, certo? Propaganda reversa não é a minha….

    Pois então, você aí que assim como eu está meio entediado neste último feriadão (não quer me indicar uma série?), eu recomendo: Faking It! é um seriado de comédia adolescente um tanto quanto revolucionário. O clichê se restringe ao ambiente escolar americano de Ensino Médio. Fora isso, é diferente de qualquer coisa que eu tenha visto. E olha que já vi muita coisa.

    faking it2Imagem: Fonte

    Aqui nós conhecemos as melhores amigas Karma e Amy, que são ignoradas pela maioria senão por todos os alunos mais populares. Pelo menos até o dia que, por engano, elas “saem do armário”. Digo por engano porque elas nunca ficaram juntas neste sentido. São somente amigas de infância. No entanto, a repentina popularidade seduz Karma, e esta convence Amy a levar a mentira adiante.

    O que já seria um problema piora quando Karma consegue chamar a atenção de Liam Booker, o cara mais gato do colégio, e se apaixona por ele. A jovem mal consegue esconder a atração que sente, imagina ainda sustentar a mentira de que tem um romance com sua melhor amiga? É hora de escolher entre a popularidade egocêntrica e o romance com o cara dos sonhos. Será que ela consegue?

    E a Amy? Como será que ela fica nesta história? (O final da primeira temporada é de surtar loucamente!)

  • Categorias: Entretenimento | Tags: , , , ,
  • Dicas de Lançamentos: Abril/2015

    30 abr



    01

    Ufa! Desta vez acho que me descuidei um pouco, né? O post de lançamentos já deveria vir no final do mês, mas não TÃO no final. Fiquei empolgada com outras postagens (uma delas, o Plano de Estudo) e quando dei por mim, eu já estava muito atrasada.

    Mas claro, sempre poderia ser pior. Imagina se eu só me lembrasse em Maio?

    1. O misterioso significado do dinheiro – Nathalie Trutmann

    Ao mostrar como as experiências moldaram sua relação com o dinheiro, a autora nos faz pensar no tabu que existe em torno do dinheiro e de desejar ganhá-lo. Por que o dinheiro é visto como algo sujo, algumas vezes? Por que as pessoas são consideradas frias e materialistas quando o almejam? As notinhas não deveriam ser ferramentas para tornar nossas vidas mais fáceis? Skoob

    Para comprar: Saraiva / Cultura

    2. Isto Não é um Livro – Keri Smith

    A autora de Destrua este Diário está de volta! Desta vez, ela questiona o que é necessário para um livro ser considerado como tal. Novamente Keri convida o leitor a embarcar em uma aventura, interagir com o objeto, e mudar suas concepções acerca do que é um livro, realmente. Skoob

    Para comprar: Saraiva / Submarino

    3. Toda Luz que não Podemos Ver – Anthony Doerr

    Ambientado na época da Segunda Guerra, em uma região chamada Saint-Malo, a obra nos conta sobre o encontro entre Werner, um especialista em rádios contratado para descobrir a fonte das transmissões responsáveis pela chegada dos Aliados na Normandia, e Marie-Laure, uma jovem cega com um valioso tesouro. Skoob

    Para comprar: Saraiva / Submarino

    4. Agência de Investigações Holísticas Dirk Gently – Douglas Adams

    Antes de falecer em 2001, Douglas Adams (Guia do Mochileiro das Galáxias) deixou dois volumes prontos contando aventuras do detetive Dirk Gently. Neste primeiro livro Dirk flagra o engenheiro de computação Richard MacDuff invadindo o apartamento da própria namorada para apagar uma mensagem de voz equivocada. A confusão é tanta que no final Richard acaba sendo até suspeito de assassinato. Skoob

    Para comprar: Saraiva / Submarino

    A Melhor Coisa que Nunca Aconteceu na Minha Vida – Laura Tait e Jimmy Rice

    As coisas nem sempre saem como a gente imagina, principalmente quando se trata de planos para a vida. Holly e Alex não esperavam ir de melhores amigos para quase estranhos, e muito menos se reencontrarem de repente depois de onze anos. Não precisa dizer que havia uma paixão platônica entre os dois para completar o clichê, né? Talvez o romance deslanche de vez, mas… o que será que foi a melhor coisa que nunca os aconteceu? Skoob

    Para comprar: Saraiva / Cultura

    Caso você tenha algum título interessante para me recomendar ou para sugerir para os lançamentos de Maio, deixe um comentário ou envie um email para contato@palavrasdestorcidas.com.br.

  • Categorias: Entretenimento, Livros | Tags: , , , ,